Deep in the meadow, under the willow, a bed of grass, a soft green pillow.
Quinta-feira, 21 de Julho de 2011

Death is no parenthesis. [edit]

Sim, estou a postar. Batam palmas. Como sempre, ou como recentemente tem sido, vou falar por tópicos.

  • Primeira coisa em questão: tenho notado que tem havido muita falta de originalidade aqui nos blogs, ou será apenas impressão minha? Ainda à bocado estive a ler uma fic de uma garina que fez, praticamente, copy & past de uma fic que eu já li e que já terminou e que só por acaso até me dou bem com a rapariga (a da fic original). É assim, já comentei no blog da garina e das duas uma: ou vai eliminar o comentário para não prejudicar a sua "grande" fic ou vai dizer que a outra é que copiou. Sinceramente, já não há capacidade própria no Mundo dos blogs. Parece que assim que mudei de blog, virou tudo uma cambada de parvalhões que não fazem mais nada do que copiar as ideias dos outros. Enfim, mundo cruel. Epá, não têm ideias não escrevam nada. Filhas, escrevam sobre o chá das cinco em vez de andarem a tirar as ideias dos outros... é que ao copiar, não estão só a tirar o que foi escrito por nós, mas também a nossa imaginação. Ai, até já nem digo coisa com coisa.
  • Mudando de assunto: serei a única a sentir saudades do Inverno? Nestes últimos dias tenho andado com tantas saudades do Inverno que nem sabem! Com saudades do meu rico café com leite; de uma manta, pipocas e um bom filme numa tarde chuvosa; os casacos de malha; o vento a assobiar lá fora (vamos imaginar que é só no Inverno, porque este Verão... chiça, tem andado uma vergonha); mas isto tudo para mim é Inverno, mas é só comigo de férias. Não gosto cá de ir para a escola em tempos assim, principalmente com os putos a saltar de poça em poça e a encharcar-me toda, já para não falar das meias coladas aos pés a fazer aquele barulho todo esquisito: nhec, nhec.

we are for each other: then
laugh, leaning back in my arms
for life's not a paragraph
And death i think is no parenthesis

  • Estive agora a ler isso e lembrei-me que muitas vezes nós preferimos a morte mais do que a própria vida; eu própria já preferi, porque pensava que fugir do problemas dessa maneira era melhor do que enfrentá-los. À pouco tempo apercebi-me que se calhar é melhor enfrentá-los do que fugir dele, porque assim consigo tornar-me mais forte e conseguir resistir a muitos mais problemas que para aí vêm. Just saying. Mas, se repararmos bem, não se trata bem de uma questão de preferência quando se trata da vida e da morte, é tudo macacos na nossa cabeça; e esses macacos precisam de ser tirados das nossas cabeças, falar com alguém talvez possa ser uma das muitas opções, mas a morte não se trata de preferência. Agora pergunto: porque será que queremos sempre a morte quando pensamos que a vida não nos corre como queremos? Good question. E porque em vez de vivê-la e tentar torná-la melhor, queremos desistir?
  • Já agora, cada vez que me falam em morte, porque é que me aparece imagens só a preto e branco?
  • Sim, eu hoje não estou a dizer nada de jeito. Também, qual será o dia em que digo?
  • Também me lembrei de outra coisa: dou por mim às vezes a olhar para os rapazes de que já gostei (poucos) e até para o meu ex-namorado e começo a pensar: estava eu o suficientemente bêbeda durante todo o tempo em que gostei dele?! A sério, agora que olho bem, eu devia estar mesmo. Mas que grandas tótózinhos aqueles me saíram... acho que quando dizem "o amor é cego", é a falar verdade.
  • Outra coisa: ali a audrey riddle está a precisar de ajuda para o nome de um gatinho. Se alguém tiver ideias, passem por lá.
  • Já agora, preciso da vossa ajuda. Tenho três nomes para o blog, digam o que mais gostarem: Psychos in love (medo xD), sapphire ou shelter.
  • Acho que é tudo.
--------------------------------------------------------------------------------
Atrasei-me um pouco:
Day 5: Fave male character and why.
É o Ron, apesar de eu gostar muito também do Draco Malfoy e do Harry. O Ron, para além de ser engraçado e fazer umas caretas que me deixam sem ar, é espectacular. Acho que não havia homem melhor para representar o papel de Ronald Weasley.
Day 6: What house would you want to be in.
Tinha-me errado no outro, wtv. Obrigada houstatlantavegas xD - Bem, ou Slytherin ou Gryffindor.
Day 7: Fave female character and why.
Será que é mesmo necessário dizer? É a Hermione, obvious. Para além de ela ser fantástica, ela ensinou-me que ter uma mente brilhante não é tudo, mas o amor e a amizade sim.
Day 8: What do you think would be your fave lesson.
Essa mesmo que acabei de dizer, o amor e a amizade.
  • Epá, que vaca aquela miúda. Eu não deixei aqui a opção de ela apagar o comentário? E foi o que fez. A mim e à Vans. Que raiva, falta de imaginação. E conheço pessoas que provavelmente leram a fic dela que comentam o meu blog, mas só vos digo: aquela miúda mete-me raiva.
uma filosofia de agnes hope às 18:22
link | comentar | favoritos?
49 comentários:
De maraft ♥ a 21 de Julho de 2011 às 18:28
ainda bem querida (:


De Cláudia a 21 de Julho de 2011 às 18:35
Concordo mesmo com o que escreveste :x
Adorei o novo visual :b


E já agora, gosto mais de sapphire (:


De umaraparigadesapatilhas a 21 de Julho de 2011 às 18:39
 é, eu sou muito assim kinda parvita e depois acontece-me disto ._.
then, sabes que as pessoas tendem a esoclher sempre o caminho mais fácil e passo a citar que simplesmente odeio quando à pessoas cheias de vida que só dizem que lhes apetece morrer, como se a vida fosse feita de apetites, não é be odiar mas sinto uma repulsa porque há aí tanta gente que pouca saude tem e faz de tudo para ser super feliz com o que tem, é um bocado parvo porque não pensam nos outros que estão piores. Mas pronto, estou só a dar a minha opinião (:


De jade e. wood a 21 de Julho de 2011 às 18:41

Day 6: What house would you want to be in.

refere-se ás equipas, sabes. xD


De cate a 21 de Julho de 2011 às 18:45
Já sigo +.+
E gosto do nome Psychos In Love, adoro adoro adoro (sim sou um bocado crazy) +.+


Beijinhos


De jade e. wood a 21 de Julho de 2011 às 18:54
como é possivel nao saberes isso? xD


De cate a 21 de Julho de 2011 às 18:54
ora essa, foi um prazer ajudar (:
btw que história é essa de a morte a preto e branco? fiquei um bocado o.o


De umaraparigadesapatilhas a 21 de Julho de 2011 às 18:55
é verdade, esqueci-me de o fazer no outro comentário. Quanto ao nome gosto  de Sapphire (:
Quando eu voltar do algarve vou fazer um post, que por acaso vais perceber o porquê da minha dorma de pensar e talvez concordes comigo (:
 só não o faço antes porque vou para o algarve sábado de manhã e amanhã é para fazer as malas e ir á beach party :D


De ~ raquel. a 21 de Julho de 2011 às 19:01
Concordo contigo, e sempre que penso em morte as imagens são a preto e branco é estranho -.-

Gosto de shelter e Psychos in love :b


De cate a 21 de Julho de 2011 às 19:06
nunca conheci ninguém assim o: quando me falam em morte a primeira coisa que me vem à cabeça é o universo, também não sei porquê


Comentar post

nos favoritos

pulso

Não existe altura inalcan...

eram jogos

Naufrago

chama-lhe sorte

é.

No fundo.

(onze)

em treze palavras

O chão que pisas sou eu.

entertainment

metade são coisas impossíveis; 101 coisas em 1001 dias

dossier

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

separadores

bitches

blogs

cartas

challenge

estúpido

família

férias

filosofias

hunger games

images

inspira-me

jennifer lawrence

josh

movies

músicas

quotes

school

sem interesse

sobre mim

tumblr

todas as tags

de quem fala comigo

«e tu principalmente estas a ser um anjo do meu blog» - lhuna / «eu gosto de ti, sendo tu normal ou não.» - marie

networks

listography; tumblr; twitter; formspring; goodreads; mahogany - blogspot;

theme by ariana