Deep in the meadow, under the willow, a bed of grass, a soft green pillow.
Sexta-feira, 27 de Janeiro de 2012

#190

A vista que gostaria de ter da sua janela ao acordar.

Bem, a vista que eu tenho do meu quarto é prédios, um jardim e ainda consigo ver o rio lá ao fundo o que não é nada de mais, mas o que me agradava mesmo era algo assim do género:

 

separadores:
uma filosofia de agnes hope às 20:55
link | comentar | favoritos?
28 comentários:
De lou a 27 de Janeiro de 2012 às 21:19
ainda estou a aprender a fazê-lo; quando conseguir definitivamente depois ensino-te.


De Isabela a 27 de Janeiro de 2012 às 21:19
Quando encontrares assim uma vista, convida-me para ser tua vizinha, sim?
Querida lamento imenso. Amores não correspondidos doíem tanto, mas pensa positivo: o tempo cura tudo.
Beijinhos.


De avery. a 27 de Janeiro de 2012 às 21:22
eu da minha janela gostava de ver prédios e mais prédios, de preferência que fossem os de alges.


De Sandra a 27 de Janeiro de 2012 às 21:24
não sei, espero que sim.
sempre gostei de ouvir pessoas a falar italiano, nunca percebi bem porque...


De Annye . a 27 de Janeiro de 2012 às 21:25
heyy (:
gostei do teu blog e já te sigo .


beijinhos


De Persephone Dashwood a 27 de Janeiro de 2012 às 21:26
Que vista tão bela e tranquila. Quem me dera também ter uma assim da janela do meu quarto.
btw, gosto do novo visual do blog ;) Está muito giro!


De Marta a 27 de Janeiro de 2012 às 21:30
vejo o mar lindamente da minha varanda e tenho um jardim beeeemm nice ihihih 


De martha a 27 de Janeiro de 2012 às 21:33
gosto do novo visual :)


De avery. a 27 de Janeiro de 2012 às 21:34
acredito, porque sinto o mesmo.
tens de ultrapassar tudo isso, só assim conseguirás surpreende-lo realmente pela positiva, assim como a ti mesma. alcançando a felicidade.


De bladiceia a 27 de Janeiro de 2012 às 21:49
a vista que eu tenho é tipo um mato. xD
quem me dera ter uma vista assim, também.


Comentar post

nos favoritos

pulso

Não existe altura inalcan...

eram jogos

Naufrago

chama-lhe sorte

é.

No fundo.

(onze)

em treze palavras

O chão que pisas sou eu.

entertainment

metade são coisas impossíveis; 101 coisas em 1001 dias

dossier

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

separadores

bitches

blogs

cartas

challenge

estúpido

família

férias

filosofias

hunger games

images

inspira-me

jennifer lawrence

josh

movies

músicas

quotes

school

sem interesse

sobre mim

tumblr

todas as tags

de quem fala comigo

«e tu principalmente estas a ser um anjo do meu blog» - lhuna / «eu gosto de ti, sendo tu normal ou não.» - marie

networks

listography; tumblr; twitter; formspring; goodreads; mahogany - blogspot;

theme by ariana